quarta-feira, setembro 06, 2006



Azálea Rhododendron indicum

Azálea Rhododendron indicum


Sapatinho Paphiopedilum insigne (Wall. ex Lindl) Pfitz.

Orquídea de Cana Sobralia macrantha Lindl.

Rabinho de Porco Anthurium scherzerianum (Hybrid)

Corações Begonia minor Jacq.
© Bruno Côrte
Do quintal da minha casa no Funchal... Setembro 2006

5 comentários:

a.mar disse...

Pois...
o teu jardim também tem muita, ou mais, beleza e tecnologia, natural, que o Japão.
Que fresquinho deve ser...
Aqui, está tudo a assar.
Ontem, às 9, do fim do dia, princípio da noite, mesmo na linha entre um e outro, estavam 35º.
Agora não consigo ter flores no jardim, só verde. E nem a relva sobrevive. Só tenho ali uma roseira que consegue dar alguns botões, que chegam ao fim do dia com as pétalas todas queimadas, vermelho com debrum negro.

Bom Dia!
beijinhos

a.mar disse...

Ah...
estava a esquecer-me dos catos,
esses sim, vão dando flores.

Joao Soares disse...

Bruno
Lindo jardim, belíssimas ilustrações, dignas fotos do Japão...estou maravilhado por esta descoberta.
És bem vindo ao Bioterra.

A margarida curiosa disse...

Oi Bruno, adorei teu jardim, flores belissímas. bjos Sabrina

intruso disse...

gosto de desenhar plantas...

quanto mais estranhas melhor...